HOME  HOME  ExpoBrazil - Agaricus, herbs, propolis for health and beauty.  Nikkeybrasil Quem Somos Biografias Indice de Biografias Forum Fotos de Biografias Links Contato  em japones




Chikagai - a cidade subterrânea

Equipe do Chika Kaihatsu Riyou Kenkyu Center
Equipe do Chika Kaihatsu Riyou Kenkyu Center
Em um país 23 vezes menor do que o Brasil e que tem uma população de 127.3 milhões de habitantes, não é de se admirar que todos os espaços sejam aproveitados e mais ainda, que novos espaços sejam criados como alternativas. O aproveitamento do subsolo foi uma das maneiras encontradas para facilitar a vida dos moradores dos grandes centros. As galerias subterrâneas que normalmente se formam ao redor das maiores e mais movimentadas estações de trem e metrô são chamadas de chikagai, que ao pé da letra significaria "cidade subterrânea". Sudacho foi a primeira galeria subterrânea a ser construída. O uso do espaço subterrâneo para o comércio teve início com ela em 1932. O espaço ainda existe próximo a estação de Kanda em Tokyo, embora não esteja sendo usado pelo comércio. A partir de 1952 as construções ganharam força e nunca mais pararam. Atualmente, existem mais de 80 galerias subterrâneas espalhadas por todo o país, somando um total de quase 1070 km construídos. O Nagahori chikagai, galeria mais extensa do Japão, fica em Osaka e tem 81 km, dividios em 4 andares subterrâneos.
As galerias subterrâneas tem dois usos distintos. Por um lado são o acesso direto entre a estação de trem ou metrô e a cidade de cima. Ao mesmo tempo são também um espaço de encontro e entretenimento. Além de lojas, as galerias subterrâneas oferecem grande variedade de restaurantes. O Kourakuen, parque de diversões próximo ao Tokyo Dome, oferece um espaço subterrâneo que tem atraído muitos jovens. "Ouvi dizer que o movimento aumentou depois que construíram o Geopolis, parte subterrânea do parque", contou um dos pesquisadore do Centro de Pesquisa para o Uso e Desenvolvimento Subterrâneo. O espaço coberto garante a diversão dos visitantes do parque mesmo em dias de tempo incerto e serve de ponto de encontro para namorados que não querem se molhar. Bibliotecas também aproveitam um fator importante do subsolo, a temperatura. A Biblioteca Nacional foi construída debaixo da terra, o que garante uma temperatura mais baixa e propícia para a conservação dos livros.
Nova lei de uso do espaço subterrâneo
Segundo os pesquisadores do Centro de Pesquisa para o Uso e Desenvolvimento Subterrâneo, o aproveitamento do espaço deve mudar drásticamente graças a uma nova lei aprovada pelo governo japonês. O espaço a mais de 40 metros da superfície pode ser usado para construções públicas. "Até o ano passado, os proprietários do terreno tinham direitos ilimitados quanto a profundidade, mas agora o governo autoriza o uso dos espaço abaixo de 40 metros da superfície", explicou Tamura Akira, diretor do departamento de pesquisas tecnológicas do Centro de Pesquisas para Uso e Desenvolvimento subterrâneo. Segundo os pesquisadores, o primeiro uso deve ser para o transporte, um dos maiores problemas dos grandes centros urbanos

Você sabia que
O Japão é um dos poucos países que enterra o seu estoque de petróleo. A tecnologia de armazenamento subterrâneo deve ser utilizada também para gás natural e LPG. "Esse método poupa espaço e também oferece mais segurança do que o armazenamento em tanques", explicou Tamura.
O Japão é um dos únicos países em que o preço da gasolina não oscila mesmo durante conflitos no oriente médio, graças ao grande estoque subterrâneo que possui.

Existem partes do metrô em Tokyo que percorrem trechos a quase 50 metros de profundidade.

Em casos de terremoto, as construções subterrâneas são mais seguras porque o tremor é menor debaixo da terra.


Esta página foi visitada 777913 vezes! Copyright 2002-2003 40 Anos All rights reserved
Desenvolvido e mantido por AbraOn.