HOME  HOME  ExpoBrazil - Agaricus, herbs, propolis for health and beauty.  Nikkeybrasil Quem Somos Biografias Indice de Biografias Forum Fotos de Biografias Links Contato  em japones




Turistas japoneses no Brasil

Veja algumas informações fornecidas por Teiji Sakurai da Jetro
Rio de Janeiro, cartão postal do Brasil
Rio de Janeiro, cartão postal do Brasil
4.4. Estratégia em atrair turistas japoneses
Como fazer os empresários japoneses compreenderem este grande país? Essa é uma pergunta que, particularmente, me preocupa, pois o foco das minhas atividades é apoiar os negócios Brasil-Japão.
Do Japão viajam anualmente para o exterior cerca de 16 a 17 milhões de pessoas. O valor de consumo do turista japonês por pessoa é bem alto, por isso é muito bem vindo pelo mundo todo. O japonês quando da viaja para o exterior prefere, primeiramente, países asiáticos como Hong Kong, Coréia do Sul, Taiwan, Cingapura e Tailândia. Depois o Havaí seguido de países europeus como França, Inglaterra, Itália, Alemanha e Espanha.
Dentre esses países destaco a Itália, um país que obteve sucesso fazer o turista japonês retornar ao país. De 1996 a 1999, quando morava em Milão, houve a invasão de um grande número de turistas japoneses na Itália e o interessante é que existiam muitos que sempre voltavam. No primeiro momento vinham em pacotes rápidos, passavam por Roma, Florença, Veneza e Milão, sem tempo suficiente para satisfazer suas vontades de degustar, ver e comprar, tornando a viagem insatisfatória. Já a segunda viagem, com um pouco mais de tempo, visitavam os arredores das 4 cidades acima citadas, como Nápoli, Siena, Pisa, Padova e Bérgamo. Na terceira viagem, visitavam locais como a Sicília e a Púglia.
A tendência da procura pelo turismo no Japão deve permanecer, pois daqui há 10 anos será o país com maior número de idosos. Essas pessoas saudáveis, com dinheiro, com tempo e com curiosidade por regiões desconhecidas devem ser atraídas para a América Central e do Sul, que possuem grandes recursos naturais para o turismo. A princípio deverão visitar os tesouros Aztecas e Maias no México, Cuzco e Machu Pichu do Peru e no Brasil o Rio de Janeiro e Foz do Iguaçu.
No caso do Brasil a atratividade do país já existe a questão é pensar como ampliar número de turistas estrangeiros e fazê-lo retornarem ao país. Hoje, 45.000 japoneses têm viajado anualmente para o Mercosul, representando 0,25% do total dos turistas japoneses, só o Brasil recebe 40.000. A meta é dobrar este número até 2007, para isso o Brasil conta com um escritório de promoção turística do Mercosul aberto em 25 de março de 2005, na cidade de Tóquio, com o apoio da JICA. Se o escritório de turismo do Mercosul promover o turismo de forma adequada, é bem provável se atingir a tal meta.
É necessário dar importância ao mercado japonês, tanto para aumentar o número de clientes como para ganhar a confiança dos que já visitaram o país. Uma boa medida para isso seria a manutenção de apresentações permanentes das atrações turísticas brasileiras aos japoneses. Nos últimos cinco anos, o Brasil participou por três vezes (2001, 2003 e 2004) na World Travel Fair, que vem sendo realizada em Tóquio, desde 2000. No entanto, é interessante que haja uma presença mais contínua, por isso incentivo uma participação anual e, também, se possível, uma ampliação do espaço para uma melhor exposição.
Outra vantagem e que com o crescimento do número de turistas japoneses, sem sombra de dúvida, em alguns anos, turistas provenientes de outros países da Ásia como Coréia, Taiwan, Hong Kong e China, estarão visitando o Brasil. O número de turistas da Ásia atinge anualmente o número de 80.000 pessoas.


Esta página foi visitada 837278 vezes! Copyright 2002-2003 40 Anos All rights reserved
Desenvolvido e mantido por AbraOn.